LOST IN Rússia | São Petersburgo #1

Quando se pensa em São Petersburgo, a palavra “Czar” vem logo ao pensamento… Cidade de grandiosos palácios, encantadores canais e imponentes catedrais, São Petersburgo faz parte da história da Rússia e dos seus czares, dos quais “Pedro, o Grande” é uma personagem incontornável!

Confesso que a expetativa por São Petersburgo e por todo o seu ambiente de “conto de fadas” era enorme… Imaginava uma cidade voltada para o passado, a viver das suas memórias enquanto local predileto da nobreza russa de outrora! E sim, é uma cidade onde se podem encontrar coches e cavalos, “czares” com quem se pode tirar fotos, palácios, montras com autênticas relíquias ao “estilo Fabergé” … um verdadeiro encanto! Um cenário bucólico e romântico, mas ao mesmo tempo agitado e cosmopolita!

mapa-monumentos-sao-petersburgo


  • Catedral do Sangue Derramado (Savior on the Spilled Blood)

A Catedral do Sangue Derramado ou da Ressurreição do Salvador sobre o Sangue Derramado é uma igreja ortodoxa situada na margem do canal Griboedov, perto da movimentada Nevsky Prospekt. Foi construída em 1881, no local onde o Czar Alexandre II, o Libertador, foi assassinado, servindo atualmente como museu e memorial das suas grandes façanhas.

Foi fechada durante o regime soviético, serviu como depósito de armas, tendo albergado durante 19 anos uma bomba que não explodiu, numa das suas cúpulas, durante a 2ª Guerra Mundial. Após 27 anos de restauração, foi reaberta em 1997, e é uma maravilha da arquitetura barroca e neoclássica russa. É um dos monumentos mais emblemáticos da cidade de São Petersburgo. Tem várias cúpulas ao “estilo russo” revestidas de cobre e esmalte de várias cores bem como paredes com inúmeros mosaicos (cobrem uma área de 7500 m2) e pinturas.

IMG_9155 IMG_9142
FullSizeRender_1 FullSizeRender IMG_9157


  • Museu Hermitage e Palácio de Inverno

O Museu Hermitage é um dos maiores museus de arte do mundo. A sua vasta coleção de mais de 3 milhões de peças é representativa de praticamente todas as épocas, estilos e culturas da história russa, europeia, oriental e do norte da África. O núcleo inicial da coleção foi formado pela imperatriz Catarina II, em 1764. Organizado ao longo de dois séculos e meio, o espólio está distribuído por dez prédios, situados ao longo do rio Neva, dos quais sete constituem por si mesmos monumentos artísticos e históricos de grande importância.  Neste conjunto o principal é o Palácio de Inverno, que foi a residência oficial dos Czares, quase ininterruptamente, desde sua construção até a queda da monarquia russa. Em tons de verde e dourado, o Palácio de Inverno tem vista, num dos lados, para o rio Neva e para a Fortaleza de São Pedro e São Paulo (Peter and Paul Fortress) e, no outro, para a grandiosa Praça do Palácio onde os coches e os “czares” fazem as delícias dos turistas! Esta praça tem grande importância histórica pois foi palco de acontecimentos tais como o Domingo Sangrento (1905) e a Revolução de Outubro de 1917.

FullSizeRenderFullSizeRender-2
FullSizeRender_3FullSizeRender_4

IMG_9031 FullSizeRender_1 IMG_9025 FullSizeRender_2 IMG_9059


  • Palácio de Peterhof

Peterhof (Jardim de Pedro) é um conjunto de palácios e jardins, conhecido como “Versailles Russa”. Não fica propriamente na cidade de São Petersburgo, mas sim a cerca de 20km, com vista para o golfo da Finlândia. Tal como todo o centro histórico de São Petersburgo, o palácio do Peterhof faz parte do Património Mundial da UNESCO e serviu como residência do fundado da cidade, o Czar Pedro, o Grande. Foi erguido entre 1714 e 1725. Apesar do grandioso palácio e dos jardins (upper and lower gardens) com mais de 120 fontes, a protagonista é grande cascata (com inúmeras estátuas de influência greco-romana), que se prolonga por um grande canal até ao mar Báltico. Uma das possibilidades de ida até ao Palácio de Peterhof é mesmo através de barco que se apanha perto do Palácio de Inverno e leva até à entrada do grande canal.

FullSizeRender_1 IMG_9046 FullSizeRender


  • Palácio de Catarina (Tsarskoye Selo)

O Palácio de Catarina, também conhecido como Tsarkoye Selo, localiza-se a cerca de 26km a sul de São Petersburgo e foi mandado construir por Catarina, mulher de Pedro, o Grande, o primeiro imperador russo. É um palácio em estilo rococó, que serviu de residência de verão aos czares. A sua decoração é de extremo requinte e extravagância. Uma das salas de maior destaque é o “Great Hall” ou “Bright Gallery” onde era recebida a realeza de toda a Europa e a nobreza russa; outra é a “Amber room”, uma sala revestida de painéis com pedaços de âmbar. No entanto o palácio tem inúmeras salas, repletas de relíquias que nos transportam para outros tempos e nos deixam estonteados com tanta opulência e beleza.

Vale muito a pena um passeio pelo parque que rodeia o Tsarskoye Selo. Para além dos jardins e do enorme lago, há várias construções dignas de um conto de fadas que não podem deixar de ser vistas!

IMG_9159 IMG_9055 IMG_9051 FullSizeRender_3 FullSizeRender_2 IMG_9054 FullSizeRender_4IMG_8531 FullSizeRender

FullSizeRenderIMG_9053

Advertisements

4 thoughts on “LOST IN Rússia | São Petersburgo #1

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s